sábado, 25 de outubro de 2008

Mudança da Hora





Na próxima madrugada os relógios atrasam uma hora às 02:00 em Portugal continental, entrando-se na chamada Hora de Inverno, proporcionando mais uma hora de sono ou de trabalho, conforme o caso.

Nos Açores a mudança da hora ocorre às 01:00 locais (02:00 em Lisboa).



Com a mudança da hora amanhece mais cedo mas em contrapartida anoitece mais cedo, o que pode provocar pequenas perturbações devido a alterações de ritmos, sobretudo em crianças.

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Parabéns minha mãe!

Hoje fazes 79 anitos. Sei que não queres nada e com amargura dizes que não queres ninguém, porque sabes que tens a tua prol separada mas que todos te irão telefonar e logo à tarde irei dar-te um abraço enorme em nome de todos. Depois também sei que terás as tuas vizinhas, amigas sempre presentes.
Depois, no sábado iremos almoçar a casa da tua neta onde nos juntamos os oito de sempre, eu, tu, as duas netas e netos e as duas bisnetas!
Também não queres bolo nenhum!
De qualquer forma...











Mas o que tu não sabes mãe é que vais ter um bolo de aniversário com velas e tudo, que virá do norte o teu filho e nora, e de Lisboa a tua filha, genro e netos. A outra e o marido não virão. Paciência!
Desta vez queres fazer uma feijoada
à tua moda e hoje levar-te-ei o que me pedistes.
Mas o que tu não sabes é que a tua neta teve a mesma ideia da feijoada por saber que os tios adoram e aflita perguntou-me e agora mãe? deixa a avó fazer para os oito e tu farás para mais seis.

É norma que quando nos juntamos cada um leva alguma coisa para não pesar só na carteira de um e metida nesta confusão da distribuição já fiz as devidas sugestões.

Um resto de dia feliz minha mãe e sabes que te amo muito, mas no sábado será melhor e terás o teu champanhe preferido para festejares a melhor prenda que te podemos dar: teres o teu rebanho à tua volta embora com algumas ovelhas tresmalhadas.

domingo, 19 de outubro de 2008

Vasculhando Sótãos...

do mfc








Ao olhar para esta foto, por um pequeno pormenor, lembrei-me imediatamente de uma das brincadeiras de meninice predilectas... era o jogarmos às escondidas (também se brincava aos médicos e enfermeiros, mas isso é outra história!!). Primeiro arranjar um local diferente que não fosse óbvio; em segundo lugar tinha que ser relativamente perto do sítio onde nos "livrávamos", no caso de sermos descobertos, correndo primeiro que o descobridor para o sítio pré estabelecido. Eram horas naquilo!! Ampliem a foto e tentem descobrir o pormenor que me fez recordar tudo isto.
31/10/2005


da Mushu












Destrava línguas
Compadre compre pouca capa parda porque quem pouca capa parda compra pouca capa parda gasta. Eu pouca capa parda comprei e pouca capa parda gastei.
Fom fim fe femana....
10/07/2005

do Toze















Prato do Dia
Robalo à Provençal
27/02/2006

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Porque usas esse nickname?





(foto do google)







Fatyly - Acabadinha de nascer foi o diminutivo dado pelo meu pai. Ficou colado até hoje a esta "pestinha".
Os "y" foram criados por mim na idade do armário ou da parvoeira. Tinha mais estilo, mais afirmação junto dos colegas e amigos, na época em que existiam os famosos "livros de autógrafos".
Parvoice ou não também aqui na internet só foi aceite assim, porque negava os "i".

Agora é a tua vez...ora diz lá!

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Curtidos pelo tempo











Eles detestam calçado e elas adoram aneís de prata.
Ambos são tão magros mas não param quietos.
Eles já percorreram o suficiente para dizer que deram cinquenta e sete vezes a volta ao mundo.
Elas sorriem, tão felizes porque sempre os acompanharam.
Casal perfeito, cansados e gastos mas que continuam o seu caminho.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

A Casa...




... cantava com as minhas filhas num jogo inventado por mim: fazer e apagar os desenhos, em que a maioria das letras saiam da minha imaginação.
Tempos que não voltam mais mas sabe bem ver e ouvir a passagem do testemunho desses momentos inesquecíveis!

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Outubreiras...










Fui cantar as Janeiras
para os lados de S.Bento
que não façam asneiras
e dêem-nos mais sustento!

A mim se juntaram mais
o governo ficou aflito
fugiram todos aos ais
ao som do meu apito!

Sei que não canto bem
mas entrei no parlamento
adivinhem quem lá vem
uma rabanada de vento!

Alto aí Sr. Vento
onde julga que vai?
vou ver se afugento
aquele que é o pai!

Mas que cadeiras fofinhas
agora é que os percebo
andaram a fazer sestinhas
e mentiras que não concebo.

Preferimos ficar cá fora
vendo quem vai entrar
vamos todos cantar agora
as "Outubreiras" a berrar!

Abre o teu olho oh Camões
diz ao Pessoa que venha cá
pede a Al Berto os melões
o Zeca que os mande p'ra lá!

Peguem todos no "Magalhães"
e nas Novas Oportunidades
correr com tantos aldrabões
imperar a "lei" das verdades!

Portugal vai serenar
sair deste turbilhão
e de novo vai voar
com o sonho no coração!










Fatyly - 2008

Mais uma letra: do Paulo

Como vai este país
tu bem sabes sim senhor
chega-te a mostarda ao nariz
e arrasas seja quem for

Se eles pensam que és ceguinha
e que te enganam de um pé prá mão
poderão experimentar a vassourinha
com toda a força no alto da pinha
até chegaram com a cabeça ao chão

E que não se atrevam a duvidar
da experiência que é só tua
que mesmo no meio da rua
os podes fazer calar
e pensar em governar

Já não entras em conversas da treta
nem em quaisquer ovações
porque neste planeta
onde Portugal é perneta
se semeiam desilusões

Por isso há muito foste eleita
pela blogosfera em geral
para cortares qualquer maleita
nem que tenhas de ficar desfeita
desta governação infernal