sábado, 29 de janeiro de 2011

Vasculhando Sótãos...

coisas que fascinam (108)

o Amor dos Velhos.

Quando eu era pequeno pensava que todos os velhos apaixonados só se tinham apaixonado uma vez. Para mim as pessoas apaixonavam-se, namoravam, casavam e viviam felizes uma com a outra até à morte. Aliás, nenhum casal de velhos se tinha apaixonado tardiamente mas sim ainda em tenra idade, e era desde aí que a vida de duas pessoas apaixonadas se desenhava em conjunto.
Talvez eu achasse isso porque o primeiro Amor da nossa vida, aquele de criança, seja tão forte que não pomos a hipótese de vir a ter outro igual. Mas acabamos por ter, igual e diferente. Durante a vida até nos chegamos a contentar com amores mais ou menos, que são aqueles amores que temos mas a que passamos os dias a dizer nim. Nem sim nem não, até ao dia em que inevitavelmente dizemos um grande não.
Esta nova forma probabilística de encarar o Amor decepcionou-me durante algum tempo. Decepcionou-me porque o Amor deixou de ser aquela coisa mágica para uma vida toda e passou a ser suave. Algo que vai e vem quando lhe apetece, às vezes com mais intensidade, outras vezes com menos, mas sempre suave.
Salvou-me dessa decepção total precisamente o Amor dos Velhos. Afinal todos os velhos que eu via na rua de mão dada já se tinham apaixonado milhentas vezes por outras pessoas, e isso fazia com que o Amor pudesse ser uma escolha de todos esses amores.
Passei então a viver bem com amores efémeros, convencido que mais tarde ou mais cedo me apareceria um que pudesse envelhecer comigo. Seria a escolha... e acho que já apareceu.

Publicada em 30/7/2010 por bagaco amarelo em "não compreendo as mulheres"

*********************************************************

Baú das memórias


1968:- Estava em Angola, recebi uma carta de minha mãe. Juntamente vinha uma foto bem pequenina em que ela estava junto de meu pai, na descida para a casa onde nasci ( um palheiro ). Foi a última foto que tiraram juntos, pois poucos meses após,meu pai falecia. Guardo esta foto como a maior preciosidade que possuo. Espero não regredir a esses tempos, mas pelo andar da carruagem...bem me parece que pouco falta para chegar à estação. Tinha 70 anos, a mesma idade que hoje tenho. Para mim,já chega, a alegria de viver já se desprendeu.A carruagem está a chegar ao fim da estação, os passageiros estão a apear-se, e o chefe da estação quer fechar as portas. Haviam passados 9 anos que não via o meu pai e, quis o destino que jamais o visse. Até breve PAI!Logo, logo nos encontramos.

Postado em 25/01/2011 por "Espaço do João" -

***********************************************************

Anti-stress

Descoberta a causa da morte do polvo Paul



Colocaram o polvo Paul a tentar adivinhar o resultado das próximas
eleições legislativas em Portugal e entre a caixinha de comida com a
foto do Sócrates e a outra com a do Passos Coelho...

O polvo preferiu morrer à fome.

Publicada em 19/11/201 por Observador em "Reflexos"

*******************************************



Os links dos blogues que refiro estão na barra lateral

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Hoje faço anos. Quantos?


















mas não faço balanços, não recordo vivências más que se vão esbatendo com o tempo mas recordo as boas, continuo a lutar pelos meus sonhos, sou solidária e amiga até onde os meus braços chegam. Enfim, sou como sou e não sei deixar de ser quem sou e muito orgulhosa das minhas rugas e marcas no corpo.

Vou fazer (aliás já fiz ontem porque fica mais saborosa no dia seguinte) uma muamba de frango (porque galinha é dura demais) e a respectiva funge (que só farei mais logo) e vou almoçar com a minha mãe. Depois iremos dar uma volta.

Não estarei com o meu pessoal porque estão a trabalhar e juntarmo-nos à noite num dia de semana é uma canseira para o dia seguinte!

Talvez num fim de semana em que a minha grávida tenha folga e possa vir até cá.

Tu que me lês se gostares do "menúúúú" podes vir porque cabes no meu "calhordas", mas...

Seria pedir-te muito um abraço e beijos?

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Cartão do Cidadão provocou...

Caos tecnológico nas urnas. Abstenção bate recordes













Perante este sorriso de quem sacode a água do capote, só posso dizer ao SR. Primeiro Ministro José Sócrates que o seu SIMPLEX foi um verdadeiro e vergonhoso COMPLICADEX!

Mais...havia quem tivesse guardado o seu número de eleitor, uma vez que o cartão fica em posse dos serviços estatais, e em milhares de casos o número (que não é visível no cartão, apenas inserido no ship do mesmo) foi alterado por mil razões óbvias e sem avisarem os cidadãos.

O que assisti...foi a maior vergonha NACIONAL!

domingo, 23 de janeiro de 2011

Se Zeca Afonso fosse vivo o que faria hoje?



Quando a corja topa da janela
O que faz falta
Quando o pão que comes sabe a merda
O que faz falta

O que faz falta é avisar a malta
O que faz falta
O que faz falta é avisar a malta
O que faz falta

(...)

sábado, 22 de janeiro de 2011

Pensamento meu...














A criança por vezes dá mais valor a um balão do que um brinquedo XPTO, depende é da forma como se dá o balão!

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Minha Nª.Srª. da Muxima, mi acuda viu?

Como já vos disse vem aí o quarto neto ou neta. A filha foi à primeira consulta e ao telefone ria, riam...e está tudo bem.

"Mãe 99,9% são gémeos, vê-se na ecografia dois pontinhos e só no próximo mês é que se verá melhor e a médica dará os 100% de confirmação e se está tudo bem, confirme hoje está"!

Pensei logo, aliás pensava sempre aquando dos outros 3 netos, a história repete-se, eu era gémea, perdi gémeos e a herança teve que calhar à minha adorável "meia leca".

Sem acção e atordoada ainda estou em profunda reflexão e neste estado de choque:)

domingo, 16 de janeiro de 2011

Tampa FSB - aumentando a segurança de sua piscina.









Foto publicada no site da Sodramar - Segurança na Piscina - ilustrando o artigo sobre a tampa FSB.

Impossível conter minha emoção.

Pela bonita homenagem da Sodramar colocando as iniciais do nome de minha filha (FSB- Flavia Souza Belo)* neste importante dispositivo de segurança nas piscinas e por ver o sorriso destas crianças brincando numa piscina segura.

Continuar a ler no blogue Flavia, vivendo em coma...

*retirei de outro artigo mais abaixo

domingo, 9 de janeiro de 2011

Embrulhada em pensamentos!



Já não me lembro da última vez que fui comer fora
Já não me lembro da última vez que comprei roupa
uns brincos, uns sapatos, uma carteira
Já não me lembro da última vez que fui ao cinema
Já não me lembro da última vez que fui...
mas espera lá...
lembro-me e bem
que tenho sido muito feliz!

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

São servidos?

...e porque hoje é DIA DE REIS...sirvam-se à vontade

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Um velho mais vaidoso que uma velha!

Não abro mão dos meus sonhos! Dizia que trocaria de carro quando fizesse 60 anos, uma prenda a mim própria, já que o meu vai fazer 16 anos e tem actualmente 175 mil e tal quilómetros. Nunca me deu grandes problemas. Também era aliciante o incentivo ao abate até 31 de Dezembro passado!
Fui fazendo as contas e mais contas ao longo do ano, poupa dali e estica de acolá e em Dezembro renovei a carta que agora é obrigatório aos 60 anos, revisão, inspecção, imposto de circulação, seguro e ena pá...paciência não dá, porque acima de tudo, uma boa alimentação e revisão médica!

Paciência, adio mais o tempo que for preciso, até ter os carcanhóis na mão!

Ontem fui sair com a minha mãe e na volta, quando estacionei, por mero acaso vejo que saiu um bocado de "uma merda qualquer" que ia pela rua abaixo. Mau, mas não deu sinal de nada, veio sempre a andar, ca raio de onde saiu aquele liquido?
Abro o capô, tudo quente e verifico (o que volta e meia fazia a ver se mantinha) que o pequeno depósito onde o radiador vai "beber" quando tem sede e que o ano passado foi toda remendada pelo mecânico, a custo zero, porque não havia em lado nenhum, nem no ferro velho, estava com outra rachadela e foi por ali que escapou parte do liquido. Não abri a tampa do radiador porque sei que não se deve fazer enquanto quente e pensei, o mecânico amanhã trata disto e vê se o radiador também ficou sem o liquido XPTO!
Hoje de manhã lá falei com o mecânico, que ia remendar aquela fissura e eu disse que não, que me sentia mais segura com um depósito novo e assim foi!

Pois é, depois de ter peças de outras marcas, S.Exª. achou por bem ter uma nova da NISSAN e lá voaram 85 euros. Só de olhar para a factura descritiva da peça, até dói! Não me levou nada de mão de obra, porque sou a carteira dele e estou sempre atenta ao correio, por isto e mais aquilo. Enfim!

Enquanto pagava olhei para o carro e perguntei: oh velho safado, afinal quem vai fazer anos, és tu ou sou eu?

sábado, 1 de janeiro de 2011

DÚVIDAS!

Ponham esta mensagem a circular:

Se cada português consumir 100€ de produtos nacionais por mês, fará crescer a nossa economia acima de todas as estimativas e pode criar 1 posto de trabalho!

Mas quais serão os produtos de fabrico português?

Quando forem ao super ou hiper verifique o código de barras porque todos os nossos produtos começam por «560».

(recebido por email)

Se isto realmente é verdade, já devo ter criado vários postos de trabalho, porque só compro produtos da "linha branca Continente" e fui verificar e todos eles, desde o detergente da roupa, passando pelo leite e até às bolachas, começam por "560" e realmente a maioria tem o fabricante português e outros por já ter aberto não consigo saber!

Será?

Conheço os produtos de outros supermercados/híper e atenta como sempre fui e sou às diferenças de preços/qualidade, continuo imensamente satisfeita e a usar os que referi, por serem de boa qualidade e muito mais baratos.

Mas nestes avanços e recuos afinal que produtos é que sobem, descem ou mudaram de IVA?
Embora não consuma, por exemplo os leites achocolatados e sumos como o Compal sempre vão de 13% para 23%?

Como não consegui encontrar nada esclarecedor, se souberem de algum link onde esteja tudo isto - preto no branco, agradeço que me indiquem!