sábado, 26 de novembro de 2011

DESAFIO Nº. 22

Pedro Passos Coelho com este olhar angelical e tão tão longínquo...digam lá em que estará a pensar?












(foto SAPO)

1- Agora que trabalho, estou lixado "pá" porque pensava que tudo isto era muito mais fácil! Será melhor emigrar?(minha)

2- Como era aquele trecho da minha última aula de canto? (Boop)

3- O que é que eu faço?, estará ele a pensar. (Observador)

4- Está a pensar em emigrar...(Kruzes Kanhoto)

5- Porque troco tanto os passos? (Wind)

6- O meu patrão, o Ângelo Correia, é que devia estar aqui!(Mfc)

7- Este ano dou ou não uma prenda de natal às minhas filhas? (Bagaco amarelo)

8- Onde vou arranjar dinheiro para um carro novo? (Sideny)

9- "Onde eu estava mesmo a 10 anos atrás? Ou quem sabe ele estava pensando na "bruxa"? (Luma Rosa)

10- está pensativo porque está com dificuldade em inventar um nome! (Francis)

DESAFIO Nº. 21








O código Morse é um sistema de representação de letras, números e sinais de pontuação através de um sinal codificado enviado intermitentemente. Foi desenvolvido por Samuel Morse em 1835, criador do telégrafo elétrico (importante meio de comunicação à distância), dispositivo que utiliza correntes elétricas para controlar eletroímans que funcionam para emissão ou recepção de sinais.(Wikipédia)

Código Internacional Morse
Alfabeto

A .- B -... C -.-. D -.. E . F ..-. G --. H .... I ..

J .--- K -.- L .-.. M -- N -. O --- P .--. Q --.- R .-.

S ... T - U ..- V ...- W .-- X -..- Y -.-- Z --..

espaço entre cada palavra /


Dei com um livro do meu pai "Telegrafia sem Fios", com a sua assinatura e a respectiva data de aquisição e ironicamente foi em 26/11/1943, ainda eu não era nascida.
Lembro-me tão bem como ele dominava o morse, que como piloto de aviação tinha que saber de cor e salteado, não fosse o radiotelegrafista adoecer e terem que estabelecer as comunicações.
Todos os anos viajava com ele apenas dentro de Angola (prémio que dava aos filhos conforme o aproveitamento escolar) e o meu orgulho era demasiado grande para um coração de gaiata.
Ensinou aos filhos e quando estava em casa, dando toques com um ferrinho numa mesa enorme que tínhamos no quintal, quem estivesse atento e decifrasse o que ele queria dizer ganhava um rebuçado de café.

Pai...lembro-me como se fosse hoje e numa ligação com o Além digo-te:


.--. .- .. / ..-. .- --.. ... / - .- -. - .- / ..-. .- .-.. - .- / . /

.... --- .--- . / .--- --- --. .- / --- / - . ..- /

... .--. --- .-. -.. -. --.


o que é que eu disse?:)

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

VEJAM porque todo o cuidado é pouco!

PSP alerta para o "cash trapping" novo esquema de burla no multibanco

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

sábado, 19 de novembro de 2011

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Assunção Cristas, que está...













no Parlamento a debater o Orçamento do Estado para 2012 na especialidade, respondia às críticas do deputado socialista Miguel Freitas, que está contra o aumento do IVA nos alimentos infantis.

"Basta falar com pediatras ou nutricionistas para perceber que boiões de fruta, de carne ou de peixe não é exactamente o que se deve dar aos bebés", respondeu.

(Económico-Sapo.pt)

Quando não concordo digo, mas nisto não podia estar mais de acordo, porque há que organizar o dia para sair de casa com a refeição feita em casa e dentro das marmitas, dá trabalho sim senhora, mas pior seria se a base de alimentação como pão, fruta, legumes, peixe e carne subisse para 23%.

Não sou pediatra, mas sempre disse que os boiões e outros do género só deveriam ser usados numa emergência, embora conheça quem dê todos os dias "este género de alimentação" apenas e tão só...por SER MAIS FÁCIL!

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Faleceu ontem a pessoa que atrapalhava sua vida...

Um dia, quando os funcionários chegaram para trabalhar, encontraram na portaria um cartaz enorme, no qual estava escrito:

"Faleceu ontem a pessoa que atrapalhava sua vida na Empresa. Você está convidado para o velório na quadra de esportes".

No início, todos se entristeceram com a morte de alguém, mas depois de algum tempo, ficaram curiosos para saber quem estava atrapalhando sua vida e bloqueando seu crescimento na empresa. A agitação na quadra de esportes era tão grande, que foi preciso chamar os seguranças para organizar a fila do velório. Conforme as pessoas iam se aproximando do caixão, a excitação aumentava:

- Quem será que estava atrapalhando o meu progresso ?
- Ainda bem que esse infeliz morreu !

Um a um, os funcionários, agitados, se aproximavam do caixão, olhavam pelo visor do caixão a fim de reconhecer o defunto, engoliam em seco e saiam de cabeça abaixada, sem nada falar uns com os outros. Ficavam no mais absoluto silêncio, como se tivessem sido atingidos no fundo da alma e dirigiam-se para suas salas. Todos, muito curiosos mantinham-se na fila até chegar a sua vez de verificar quem estava no caixão e que tinha atrapalhado tanto a cada um deles.

A pergunta ecoava na mente de todos: "Quem está nesse caixão"?

No visor do caixão havia um espelho e cada um via a si mesmo... Só existe uma pessoa capaz de limitar seu crescimento: VOCÊ MESMO! Você é a única pessoa que pode fazer a revolução de sua vida. Você é a única pessoa que pode prejudicar a sua vida. Você é a única pessoa que pode ajudar a si mesmo.

"SUA VIDA NÃO MUDA QUANDO SEU CHEFE MUDA, QUANDO SUA EMPRESA MUDA, QUANDO SEUS PAIS MUDAM, QUANDO SEU(SUA) NAMORADO(A) MUDA. SUA VIDA MUDA... QUANDO VOCÊ MUDA! VOCÊ É O ÚNICO RESPONSÁVEL POR ELA."

O mundo é como um espelho que devolve a cada pessoa o reflexo de seus próprios pensamentos e seus atos. A maneira como você encara a vida é que faz toda diferença. A vida muda, quando "você muda".

Luís Fernando Veríssimo

domingo, 13 de novembro de 2011

Vamos Sorrir - 14

Que queres amigo? Agora não dá porque a lotação está esgotada:)


































(As minhas netas quando falam da piscina, muitos julgam que é uma piscina a sério e esta foto (mal-comparado) fez-me sorrir porque me lembrei delas:):) e sempre expectante que a "piscina" rebentasse:).

Para o próximo verão tem que ser maior porque já serão três netos à solta dentro dela.


(fotos do FUNPIC)

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

DESAFIO Nº. 19

Quando os homens querem... tudo poderá ser diferente. Merece a pena ver!






(recebido por e-mail)

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

PARABÉNS MINHA NETA

















Hoje fazes 6 anos e já estás no teu primeiro ano de escolaridade com vontade de quereres aprender mais e mais. Para trás ficaram as birras mas sabia que fazia parte do teu crescimento e comigo assim que começavas, esperava pacientemente que te passasse.
És fã da bola, jogas sempre que podes e defendes o teu Benfica com unhas e dentes.
Já te dei os parabéns e na tua voz docinha pediste: "Avó dréde"* podes ir lanchar comigo e cantar os parabéns? Claro que sim MEU AMOR! Ai avó eu também te amo muito e vou pedir à professora para fazer um desenho para ti!

* Para estas duas agora sou Dréde, já me disseram o significado, mas sinceramente não me lembro, sei que é algo carinhoso e nem sei se é assim que se escreve. Tenho que perguntar de novo e já as estou a ouvir: avó tens que tomar "ferro" porque andas muito esquecida!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Vamos Sorrir - 13

A Vespa chega e sobra

Embora Jorge Coelho já tenha renunciado à sua pensão vitalícia, o Estado continua com problemas nas contas públicas. Por essa razão, o Governo decidiu acabar com os transportes públicos.

Perguntará o Leitor mais preocupado: Mas e agora, o que será das pessoas que precisam de ir para o trabalho?

Calma, o Governo pensou nisso. Em breve, as pessoas que precisam de ir para o trabalho porque ainda têm trabalho cabem na Vespa do ministro da Segurança Social, pelo que os autocarros, os comboios e os barcos tornam-se um luxo que o Estado, por enquanto, não pode auferir.

E se por algum motivo, nomeadamente o trabalho sazonal, a Vespa não for suficiente para transportar todos os trabalhadores, o Governo compromete-se a adquirir um ‘sidecar’ para a lambreta.

Relativamente aos patifes que utilizam o transporte público sem ser para ir trabalhar, abusando de bens públicos para, entre outras coisas, passear, ir ao médico ou tratar do cartão do cidadão; para esses, a mensagem é clara: ide a pé.

A estratégia do Governo para o sector é clara e orienta-se pelo princípio pedestre de que “o caminho faz-se caminhando”.

O Editor em Chefe
(Zé Pedro do blogue "Imprensa Falsa" cujo link se encontra na barra lateral)

sábado, 5 de novembro de 2011

DESAFIO Nº. 18

Em discursos televisivos:

Sarkozy fala a sua lingua - francês, Angel Merkel o seu alemão, Papandreau o seu grego, Obama o seu inglês, etc, etc. e este "sem adjectivo"













não fala português porquê?

É certo que todos entre si devem falar inglês, o que eu há uns longos anos sabia e bem, mas com a reviravoltas da vida o meu pc cerebral fez delete, mas que a pouco e pouco vou recuperando.

Sinceramente fico pasma e sem saber a razão porque é que quando o oiço percebo quase tudo o que diz? e nos altos e baixos da sua voz o "sotaque" soa-me tal mal, que só me apetece enfiar um estaladão!

Vocês que falam e percebem, que raio de inglês é que este ... usa?
Calma aí ...kimbundo não é de certeza:)



As coisas estão de facto muito más em que o povo anda numa de aperta o cinto deste capitalismo absurdo de uma direita quase radical ONDE VALE TUDO EM PROL DOS MESMOS, mas por favor cuidem-se, não se deixem ir abaixo e tomem resmas de














mas ver partir um filho e ou a família para "novos horizontes" é lixado...tal como os meus pais sentiram x 4 e outros milhares de pais que por lá ficaram.

Ainda dizem que a história não se repete? São as tais "vagas" que o meu pai tanto falava!
Mas faço sempre o que ele nos dizia:

"Não abras mão dos teus sonhos e em vez de esperares sentado vai à luta, mas nunca deixes de acreditar e sorrir por um futuro melhor. Deixa a vida rolar porque entre mortos e feridos alguém há-de escapar!"

e por ter sido crente na sua igreja, terminava...

"Nada acontece por acaso e entrega o teu fardo a Deus, como eu sempre fiz, até no dia em que enterrei o vosso irmão João"!

É isso mesmo pai e obrigado por teres sido o maior educador e crítico das politicas de então e como gostavas tanto de Sá Carneiro e da sua AD, faz aí uma jogada e mandem umas bolas de chumbo aos actuais políticos para acabar com tanta "chulice"! Quais? Pai, tu não me lixes estarás distraído com o teu Sporting?:)

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Coisas que me tiram do sério

1- OE: PS tem abstenção como mais provável mas exige cedências

Andamos numa luta terrível para que nas eleições, referendos etc. não exista a "abstenção" e estes e outros políticos que já fizeram o mesmo por acaso não têm tomates para dizerem SIM ou NÃO?

Se não concordam digam que NÃO...agora absterem-se?

2- Acho que este governo está a utilizar um "método Soarista" da década de 80 a 86, ou seja: primeiro lançam para a opinião pública uma "medida a tomar e sobretudo com intimidação de coimas" e esperam pela reacção e conforme esta, avançam, recuam ou fica em banho maria.

Falo do pedido de facturas e vêm com a brilhante ideia da declaração de 5% no IRS (tretas). Não compete ao governo fiscalizar e exigir a todas as empresas "a máquina registadora com esse fim" de forma que não fujam à entrega do IVA ao Estado?

Há milhares de locais que nem é preciso dizer, dão o respectivo talão "que serve de factura como nas farmácias" e a discriminação da despesa com o IVA aplicado!
Olho, confiro e deito no lixo e agora sou eu que tenho que guardar mais papelada para além dos 5 anos da água, electricidade, gás, IRS, telefone etc?

Será que estou a ver mal a coisa?

Ora digam lá da vossa justiça!