quarta-feira, 31 de julho de 2013

No país sem rei nem roque... alguém que me explique!!!!

Diretores escolares pedem a Nuno Crato que aprove turmas já constituídas

A imprensa de hoje noticia que o despacho da rede escolar do Ministério da Educação para o próximo ano, que chegou às escolas na sexta-feira ao final da tarde, define cortes nas turmas no ensino regular e nas turmas de cursos profissionais e Cursos de Educação e Formação (CEF).

Com o despacho, os diretores de turma das escolas viram não ser aprovadas turmas que já tinham sido constituídas e com alunos matriculados.

Em declarações hoje à agência Lusa, o vice-presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), Filinto Lima, disse que esta situação é "muito preocupante" para diretores de escolas e alunos e exortou o Ministério da Educação a aprovar as turmas que já estão constituídas.

O dirigente salientou que o documento sobre a rede escolar, divulgado na sexta-feira, já devia ter chegado às escolas no início das matrículas.

"O certo é que chegou no fim das matrículas. Percebe-se que o país esteve perdido algum tempo devido ao problema que sucedeu no Governo, mas as escolas avançaram com o trabalho e formaram turmas com base nos dados do ano passado. Na sexta-feira percebeu-se que algumas escolas com turmas já constituídas (...) não tiveram autorização para avançar", disse.

Para Filinto Lima, esta situação "é um problema" para as escolas, para os diretores e para os pais que já matricularam os filhos e estão na expetativa que estes frequentem os cursos naquelas escolas onde estão inscritos.

"Este é um problema que tem solução e que passa pela tutela. É evidente que tudo isto esbarra no conceito de que todos falamos: a autonomia. Percebe-se perfeitamente que as escolas não têm qualquer autonomia para quase nada", alertou.

O dirigente da ANDAEP sublinhou também que o problema "tem de ficar resolvido ainda hoje" uma vez que termina o prazo para os diretores de escola indicarem ao Ministério o número de docentes sem componente letiva.

"Neste momento há escolas que deram componente letiva a alguns professores. Com este despacho alguns deles correm risco de ficar com horários zero", explicou.

Contudo, o dirigente da ANDAEP acredita que o Ministério de Nuno Crato vai arranjar uma solução em breve.

A Lusa pediu um esclarecimento ao Ministério da Educação, mas ainda não obteve resposta.

LUSA

segunda-feira, 29 de julho de 2013

sábado, 27 de julho de 2013

Pensamentos...

"O momento mais perigoso, para um mau governo, é normalmente aquele em que começa a remodelar-se.
Charles Tocqueville

"Um governo que obtenha maioria absoluta não significa que seja o melhor. Significa, apenas, que recebeu o poder por parte de eleitores cansados com o governo anterior, ou que as circunstâncias históricas do momento assim o permitiram."
Baptista-Bastos

"Um dos dramas dos Governos modernos é que dominam bem os números e as estatísticas, mas com frequência nada sabem sobre a vida comum dos seus concidadãos."
José Manuel Fernandes

"O maior dos «lobbies» que os governos enfrentam reside sempre dentro de casa, nos partidos que os apoiam."
José Leite Pereira

"O partido que perde o poder, em vez de fazer oposição ao governo, de forma construtiva, passa anos a tecer teias incompreensíveis de pequena política, redes espessas de tricas internas, rolos de intriga contra um líder após o outro. À espera que o governo caia de podre."
João Vieira de Almeida

sexta-feira, 26 de julho de 2013

DIA DOS AVÓS



"Vida de avó é uma canseira quase tão grande como a de um ciclista!
O que vale é que ambos "pedalam" por gosto."


de Kruzes Kanhoto

(imagem Google)

quarta-feira, 24 de julho de 2013

O SORRISO DE UMA CRIANÇA É E SERÁ SEMPRE O MELHOR REMÉDIO!



As minhas filhas brincaram com esta "trampa" e eram tão felizes com tão pouco.

A história repete-se e foi a prenda de anos aos netos, meia dúzia de "pega-monstos" a cada um e ficaram tão felizes. Volta e meio dão-lhes banho, pois só de os ter de descolar quando atiram e ficam presos no alto...gnhemmmmm ca nojo:):):)

A isto junto brinquedos que faço...como fazia os meus, já que para alegrar, distrair ou brincar com uma criança...não são precisos computadores, tabletes (só se for de chocolate) e brinquedos XPTO!

terça-feira, 23 de julho de 2013

PARABÉNS MEU NETO



pelos teus quatro aninhos e pela vivacidade, meiguice e reguilice que tens, prova de que és amado por todos e por esta avó tãoooooooo babada.

Beijos meu amor e um obrigado aos teus pais!

sábado, 20 de julho de 2013

Músicas que gosto



Esta música foi feita e cantada só para mim...em festas de garagem e no areal da minha terra...

domingo, 14 de julho de 2013

Também eu...

Mesmo em vias de extinção, prefiro ser como sou do QUE UM MAU POLÍTICO QUE NASCEM COMO COGUMELOS SELVAGENS!



já que...



(Imagens Google)

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Pensamentos...

Não há futuro económico e social possível quando o problema principal não é o excesso de consumo privado, mas o excesso de consumo público.

(Francisco Sá Carneiro)

Aquele que desperdiça o dia de hoje, lamentando o de ontem, desperdiçará o de amanhã, lamentando o de hoje!

(P.Raskin)

terça-feira, 9 de julho de 2013

domingo, 7 de julho de 2013

Músicas que gosto




Canta, coração
Que esta alma necessita de ilusão
Sonha, coração
Não te enchas de amargura

Esse coração
Não consegue se conter ao ouvir tua voz
Pobre coração
Sempre escravo da ternura

quinta-feira, 4 de julho de 2013

MANIFESTAÇÃO DO GOVERNO (o melhor "grito"que já li)

Portugal é um país muito original. O povo aguentou durante dois anos a austeridade brutal, o ataque aos subsídios de férias e de natal, o aumento colossal de impostos, o desemprego exponencial, a diminuição de direitos sociais e a quebra na economia. O povo aguentou com patriotismo, sem manifestações violentas. O governo não previa isto. Desde o princípio o governo contava com manifestações violentas para poder negociar com a troika. A ausência de solidariedade do povo determinou a manifestação de ontem por parte do governo. Em boa hora se demitiu o Ministro das Finanças, logo seguido pelo dos Negócios Estrangeiros. Outros se seguirão, espera-se. Temos governo. Um governo que se manifesta e que luta por nós. Viva a governo. o Tribunal Constitucional. O Conselho de Estado. Sua Excelência o Presidente da República. Abaixo o povo inerte e abúlico.

POSTED BY EXPRESSODALINHA (4/7/2013)