quinta-feira, 11 de outubro de 2012

PRAIA















Na praia
quando o sol desaparece
e no ar se abre
o cheiro acre das algas
e do salgadiço
esta criança envelhece
sem dar por isso.

Manuel Filipe - Livro "Via de Curetes" pág 12

(foto do Mfc do blogue Pé de Meia)

18 comentários:

  1. a última coisa que deveríamos deixar envelhecer seria ou deveria ser a nossa criança interior!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um poema escrito pelo autor tem um sentido, mas lido por dez poderá suscitar dez sentidos.
      A meu ver não se trata "da criança que há em mim - ESSA ENQUANTO EU FOR VIVA JAMAIS ENVELHECERÁ/ MORRERÁ - mas do facto de ter nascido perto do mar, com trocas e beldrocas da vida, resido a poucos kms do mar e sempre que posso vou visitar , brinco que nem criança, e o anoitecer ou amanhecer é algo maravilhoso...e assim nem dou pelo facto natural de que estou velha e a envelhecer:)

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  2. Fatyly
    Não te ponhas a 'poetar'!!!
    Ah! É um minúsculo - em tamanho - de Manuel Filipe.

    E já que aqui estou, vou demonstrar o meu desacordo com a Alexandra.
    Ela não está a ler, pois não? Óptimo!
    A nossa criança interior é a única que não deve envelhecer.

    Agora piro-me não vá ela aparecer.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh meu (salvo seja) eu sou poeta da vida e Manuel Filipe é um grande poeta e adoro o que ele escreve e sobretudo tive a grata surpresa de ter recebido a oferta do seu livro...que é uma delícia.

      Ah piras-te não é? Mas Alexandra irá ler e pode zancar-te até aqui loll

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  3. Querida amiga,

    gosto da praia ao final da tarde, apenas e só, a essa hora!

    Beijinho

    P.S. - Gostei do poema!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também gosto meu amigo, mas gosto mais do amanhecer e vezes sem conta como me levanto cedo e sobretudo no inverno...vou e carrego baterias:)
      Ainda bem que gostaste do poema:)

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  4. Lindo poema de Manuel Filipe e escolheste bem a foto para o acompanhar:)
    Beijocas

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Beijocas e desejo também um bom fim de semana:)

      Eliminar
  6. A foto é linda e o poema também. E como é bom estar junto ao mar.

    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Odele
      Subscrevo inteiramente e ainda hoje numa converseta séria fartei-me de chorar junto a ele, contribuindo para o seu aumento:)
      Vim super aliviada e com mais garra para lutar contra tudo e contra todos:)

      Beijos e obrigado e BFS para ti e para a tua nossa Flavia

      Eliminar
  7. Gosto muito do entardecer na praia. As manhãs guardo-as para dormir até tarde.
    Bom fim de semana, minha amiga.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gosto mais do amanhecer:) embora também goste do entardecer e hoje estive lá duas horitas a fazer horas para ir buscar as netas à escola:)

      Beijos amiga e obrigado e também BFS para ti e para os teus

      Eliminar
  8. Sábio, o poema. E a foto do nosso amigo 'MFC' é linda!

    Abraço,

    ResponderEliminar
  9. Tenho andado arredio de postagens e comentários, apenas por manifesta falta de tempo. De tempos a tempos, tenho um tempo assim ... apenas pura falta de tempo, para arranjar tempo que me dê tempo para estar com amigos ...
    Já está no fim... esta falta de tempo ...
    ADOREI ESTA POSTAGEM ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Primeiro a tua vida privada e não te preocupes com isto, porque essa tua falta de tempo é o tempo que muitos desejariam e que com este tempo actual dizima Portugal:)

      Força e continua bem assim como os teus, é o que te desejo.

      Beijos e obrigado

      Eliminar