segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Vira o disco e toca o mesmo!

Gosto de ver programas sobre cultura geral com perguntas e opções de resposta para os concorrentes acertarem ou não.

Detesto novelas porque já parei um pouco em todas elas e é o retrato da brutalidade, sacanismo, amor, ódio, vingança, tortura, morte. Sei que é o retrato do mundo real que sempre foi assim, mas agora há um valor nefasto televisivo acrescido em dar as notícias em primeira mão.

Os filmes todos eles de uma violência extrema incluindo alguns dos canais por cabo. Vi vários mas daqueles tipo colherzinha de chá e outros da Disney:)))

Futebol, culinária e chefes de cozinha com estrelas não sei bem o nome... a rodos.

O carnaval das campanhas eleitorais já começou e não há paciência. Já sei em quem vou votar e digo apenas que jamais votaria no PSD ou no CDS que vão de mal a pior.

Finalmente começaram as aulas dos netos. Os mais perto já são crescidos e a responsabilização é diária por parte dos pais e as asas já começaram a ganhar forma e tamanho...e que tamanho. Como o tempo passa!

Continuarei a ir duas vezes por semana, fora as vezes que me irão cravar:))) também para estar com a minha mãe que continua a ser muito bem tratada, cuidada...mas está um complicódromo de lascar, mas todos os dias compro 1kg de paciência e doseio pelas vezes que estou com ela.

Finalmente consegui fazer todos os meus exames médicos e em breve tenho consulta na minha médica de família. Faço minhas as palavras de um dos médicos que me disse: está tudo bem, claro com as mazelas da sua idade, mas nada importante e muito menos preocupante. Ao que respondi...pois é Dr. pena é que não façam exames às mazelas da alma. Sorriu e respondeu...na senhora seria ainda mais difícil porque é tremendamente optimista e alegre e como ficaria quem lhe fizesse tal exame?

O que sobra? O espaço que ocupas tu que me lês, onde dás algo para desanuviar:)


sábado, 9 de setembro de 2017

domingo, 3 de setembro de 2017

TRIATLO- Ironman 70.3 de Cascais - 3/09/2017

A prova de triatlo, na distância half-ironman, decorreu em Cascais, com 1900 metros de natação, 90 kms de ciclismo e 21,1 de corrida.



Vanessa Fernandes foi a vencedora do triatlo Ironman 70.3, de Cascais. A atleta do Benfica foi a mais rápida entre as mulheres, batendo a espanhola Sarah Munoz por menos de um minuto de vantagem. A portuguesa esteve em segundo lugar até aos últimos quilómetros, mas conseguiu chegar à liderança já perto da meta.

No setor masculino, o vencedor foi Denis Chevrot, de França. O melhor português Foi Bruno Pais, do Estoril, que ficou em terceiro lugar.

DE: O JOGO ONLINE