segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Vamos levantar o astral e canta comigo!



E quando as nuvens partirem
O céu azul ficará
E quando as trevas se abrirem
Vais ver o sol brilhará
vais ver o sol brilhará

12 comentários:

  1. Olá Fatyly. Prazer em visitá-la mais esta vez. Não tenho comentado mas desta vez o apelo é mais forte..
    É mesmo a nossa esperança é que o sol brilhe depois da desilusão que nos tem caído em cima. Eu hoje perguntava no blog UJM quando é que será que saimos desta? Possivelmente e embora eu não alinhe e tema a violência, só lá vamos com uma carga de pancadaria.
    Deus queira que me engane e que o sol brilhe mesmo para todos em vez de ser sempre só para alguns, os mesmos.
    Abraço
    Teresa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que sim, temos que ter esperança e acredita que também temo a violência e logo eu que vivi uma guerra civil tão simulada e dantesca, mas tão abafada pelos que fizeram a descolonização de Angola. Depois erguer de novo a vida, lutar, lutar e de 80 a 86 com o Mário Soares lá mergulhamos de novo numa crise "do vale tudo" e entrámos na CEE. Portugal lá se endireitou mas o facilitismo de alguns para com milhares foi dantesca (e a justificação de centenas de actos de corrupção sem penalização à vista está aí para todos verem e pagarem), a era do betão, de obras faraónicas e actualmente dia-após dia...o povo sofre o retrocesso em tudo num capitalismo absurdo, feroz e dantesco.
      Ninguém vive de mercados e quem são eles? Não sabemos
      Para onde vai o dinheiro de tantos cortes? Não sabemos
      A taxa de desemprego baixou? Pois baixou, porque a maioria já perdeu o subsidio de desemprego e centenas e centenas também emigraram, isso sabemos, mas eles cantam
      Piorámos muito e voltámos à década de 80...e ainda acreditam num PSD, num CDS-PP e num PS? Mas alternativas? o povo não é burro, sobretudo uma geração de jovens que com o canudo na mão - emprego zero...mas só uma coisa salta à vista: o compadrio doentio político onde vale tudo e que tudo é feito e planeado em cima do joelho.

      ACREDITO que o sol voltará a brilhar porque tudo passa e até nós estamos de passagem.

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  2. O pior é que parece que as nuvens vieram para ficar. Mas o sol vencerá, quero acreditar que sim!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vieram...mas nada é para sempre e vamos acreditar que sim, que sim, que SIM:)

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  3. :)
    Há músicas que todos sabemos de cor!
    E podemos brincar e gritar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade e as minhas netas mais velhas agora andam a cantarolar esta e outras de outros grupos:) Brincar e gritar é o melhor que podemos fazer para conseguirmos ir p'frente quando quem nos comanda quer-nos empurrar para trás. Força aí:)

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Força rapaz e aumentemos o som do coro:)

      Beijos e obrigado

      Eliminar