quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Se Acreditares!

TERNURA SEM DIMENSÃO













VERDADE...VERDADINHA!


















PARA TI QUE VENS AQUI POR EMPATIA, AMIZADE E OU POR BEM!


terça-feira, 20 de novembro de 2012

Vamos Sorrir - 23 - Coisas minhas!!!

1- Tinha um colega tão guloso, mas tão guloso que andava sempre em busca das bolachas mas que nunca colaborava na compra de bolachas e rebuçados que estavam na minha secretária por ser a primeira à entrada da secção. Chegada a minha vez de comprar e de conivência com os 39 colegas, comprei um pacote de crocantes para cães e pus numa embalagem de bolachas. Durante o dia comeu-as todas e ia dizendo que maravilha. No dia seguinte troquei as embalagens e ele: oh Fatyly que é isto pá? Foi as bolachas que comeste ontem! Eu? Comida para cães? e saiu aos vómitos! Aprendeu que em grupo todos devem colaborar!

2- Tinha eu 6 anos e o meu companheiro e irmão 5 anos, resolvemos fazer negócio. Embrulhamos em papel de rebuçado os cócós secos dos nossos cães. Ambos sentados no muro do quintal vendemos tudo aos militares que iam para o quartel e até a civis. No dia seguinte bateram à porta e o meu pai foi atender. Dois militares e uma senhora vinham com os "rebuçados"...e claro à bofetada, devolvemos o dinheiro aos três. O resto ficou connosco, mas não gastámos e mal batiam à porta ficávamos gelados. Mas não, ninguém mais reclamou!

3- A minha irmã mais velha, num universo de 29 netos, era a preferida da minha avó materna. Sempre brindada e nós "babando". Mal a apanhávamos distraída ou estragávamos o presente ou comíamos os doces todos. Lá vinha mais umas palmadas...mas ela depois levava em dobro dos dois. Acho que ficou traumatizada até hoje:)

4- A filha mais nova era sonâmbula. Com 6 anos, oiço mexer na porta e lá ia ela com a mochila às costas e a dizer que ia para a escola. Sabendo que não se deve falar alto ou ralhar e muito menos chamar pelo nome, peguei-lhe com carinho e trouxe-a para cima. Pus uma corrente o mais alto possível de forma a não apanhar maus sustos.

5- Oiço um estrondo na cozinha e levanto-me num salto...pois é, a mais velha com 7 anos igualmente sonâmbula em vez de ir para a casa de banho, foi para a cozinha e sentou-se no balde do lixo e conforme caiu assim ficou no chão. Levantei-a e encaminhei-a para a cama e ela: o que foi mãe? o que foi? nada, dorme meu amor!

Hoje ambos os maridos dizem que continuam sonâmbulas e elas refilam porque eles ressonam! Que se entendam:)

6- Mãe, o frango está ferver mas tem muitas bolhas. Bolhas? Xiiii jorravam pelo fogão abaixo e já vinham na porta da cozinha. Pois é...em vez de óleo pus detergente da loiça!

7- Avó tu conheces aquele senhor que passou por nós e que já vai ali? Não, porquê? Porque ele olhou para ti e disse que senhora linda. Disse? Na volta era para vocês. Não avó é para ti, porque não olhou para nós e além disso não somos senhoras somos crianças. Pois, então o senhor não via bem, tadinho. Oh avó não via o quê daaaaahhha...é porque tu és mesmo linda e gostamos tanto de ti...

8- Amo as minhas filhas, genros, netos e a minha mãe, mas como sempre vivi em crise cada vez mais me sinto a mais em Portugal!

Boa noite!

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

PARABÉNS MINHA NETA

PELO TEU SÉTIMO ANIVERSÁRIO.



















Hoje fui tomar o pequeno almoço contigo e com a mana e logo à noite apagarás as sete velas com os papás, avó e a bibó. Os tios e primos não podem porque a varicela ainda não fugiu.

Que sejas muito feliz...meu amor!


quarta-feira, 7 de novembro de 2012

OBAMA

A ESPERANÇA RENOVADA POR VONTADE DE UM POVO!

o que falta em Portugal!!!



sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Um projecto LINDO...


















adormecer.PT

DAQUI

que a meu ver está muito criativo e ao alcance de todos e que merece ajuda para seguir em frente!

Vejam e colaborem caso assim o entenderem!

Parabéns amigo Bagaço Amarelo ou Ivar Corceiro E NÃO DESISTAS NUNCA!