sábado, 5 de janeiro de 2013

O Sr.Lucky











Com apenas seis meses é o elemento mais novo da família. É "a minha sombra negra" e onde estou está ele. Quando estou a passar a ferro, pois claro...deita-se quase em cima dos meus pés.

Até as gatas já o aceitaram, embora a mais velha por vezes não ache muita graça ao que ele lhe faz e claro, sai uma unhada que se lixa!

Joga à bola connosco mas quando a apanha foge e de futebol passamos à apanhada.

Na tarde e noite de Natal haviam de ver o cuidado dele com o meu neto de 3 anos e sobretudo com a minha neta que tem apenas 16 meses. Só visto que contado ninguém acredita.

Enfim, tenho o melhor ginásio do mundo e desta forma digo ao Secretário de Estado da ????? que já estou a colaborar para menos despesismo no SNS do qual sempre fugi a sete pés e só vou em última instância:)

27 comentários:

  1. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderEliminar
  2. A imagem perfeita do instinto e da amizade animal.

    O Lucky é um cão com luck.

    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal e qual e ponderaram muito quando lhe ofereceram o animal de uma ninhada de 5. Tão pequenino que era e agora vai lá vai...mas é imensamente estroina em termos de roer o que apanha e depois apanha "uns tapas" para aprender, mas muito meigo e quando se ralha com ele...põe um ar tão triste que o "luck" desaparece loll

      Beijos e obrigado

      Eliminar
    2. Fui já castigado com uma braco alemã que roía tudo e agora uma 'rafeira' ainda mais roedora.

      Eliminar
    3. Este já começou a roer menos e só rói o que encontra no quintal e todo o tipo de bolas esquecidas...são bolas furadas e desfeitas, até duas de ténis bem grandes que são duras como tudo que tinham anos...já estão com valentes marcas suas:):):):)

      Beijos

      Eliminar
  3. É lindo e amigo.
    É por isso que adorooooooooooo cães:)
    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sei que adoras e ao fazer este post lembrei-me de ti e do teu cão:)

      Todos os animais são amigos se o ser humano for amigo e tratá-lo com respeito e sobretudo como animal que é. O mal de muitos é os donos quererem e fazerem o contrário!

      Beijos e obrigado




      Eliminar
  4. Belo animal. pouca gente entende a amizade dos animais, eles dão tudo por nós quando somos amigos deles, e tenho 2 cães e sem bem do que digo, pois duvido que alguém goste mais de mim do que eles.

    abraços amiga

    ResponderEliminar
  5. É de facto muito bonito e tudo o que dizes é a mais pura verdade!

    Beijos e obrigado

    ResponderEliminar
  6. Tenho sido um preguiçoso e, já há mais de um mês que não fazia uma postagem.
    Hoje, lembrei-me da minha querida amiga e, em especial as órquídeas são para si. Um bom ano para toda a família são os meus maiores desejos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico feliz amigo por ter sido só preguiça e vou já lá ver o meu brinde:)

      Retribuo os votos em dobro para ti e todos os teus.

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  7. Acredito, acredito.
    os animais, sobretudo os cães, têm uma sensibilidade fantástica para perceber quem são os mais indefesos.
    Tente atacar essas crianças e vai ver o que lhe acontece!!
    Mesmo sendo a dona e sendo a pessoa que trata do animal.
    Beijinho e votos de boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade o que dizes amigo. Fui criada com imensos animais e até uma raposa que apareceu pelo quintal dos meus pais ainda em Angola. Raposa virou cão e os vários que tivemos eram de facto o máximo.

      Beijos e obrigado

      Eliminar
  8. É um Golder Retriever versão black. É a raça de cão mais afável que existe. Mais palavras para quê? :)

    PS. Não cortas as unhas das tuas gatas? Aqui em casa os meus gatos fazem manicure...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não meu amigo é um Labrador. É de facto muito afável e super, mas super meigo.

      Durante 20 anos da existência do nosso gato, sempre lhe cortei as unhas, banho de vez em quando etc, etc. Foi só ao veterinário com 3 meses quando para aqui veio que levou as vacina todas e mais não foi preciso porque era um gato que não ia à rua. Foi de novo quando teve que ser abatido. Tudo o que teve como constipações etc, etc, durante esses anos todos tratei-o como tratava das filhas.

      O Lucky e as gatas são da filha mais velha e vão aparando as unhas de todos, embora não cortem totalmente porque ficam todo o dia no quintal e passam a noite dentro de casa. Elas nunca estragaram nada e ele só estraga a tralha que por vezes as netas deixam no quintal, como caixas plásticas, pás e adora roer paus e tem muito com que se entreter loll

      Hoje não tenho animal algum!

      Beijos e obrigado

      Eliminar
    2. Lol, eu sinceramente não distingo os Golden dos Labradores são basicamente a mesma coisa e têm a mesma origem. XD

      Em relação aos gatos, os meus três gatos estão a ser acompanhados pela veterinária. São todos capados, asseados e não vão à rua. Tenho fora cinco gatos, dois gatos e três gatas, sendo que duas delas são ainda pequenas porque nasceram no ano passado. Por acaso conheces alguém que queira as duas gatinhas? São muito bonitas, uma é branca e outra é pardita.

      Eliminar
    3. Não são a mesma coisa, amigo, um tem pêlo curto (Labrador) e outro pêlo comprido (Golden)! :DDD

      Eliminar
    4. Mas ó Ricardo, os cães Serra da Estrela também podem ter pelo curto e pelo comprido. A minha cadela é Serra da Estrela e é de pelo curto. :P

      Eliminar
    5. Não são o caso da raça Retriever, meu amigo. :)

      Eliminar
    6. Porque os Retrievers tanto podem ser Labradores como Golden. :P

      Eliminar
  9. Coisa que não domino nada são as raças de cães e gatos e sei que este é Labrador porque fixei...ahhhh e conheço os salsichas de resto é tudo cão lolll

    Eu fui a veterinária do meu e tratava tal como tratava das filhas. Sei que os veterinários dizem cobras e lagartos sobre isso...mas eu já tinha uma enorme escola de vida sobre cães e gatos e aprendi muito com o meu pai que sempre tratou dos animais que tivemos.

    Meu amigo não conheço e eu não quero mais nenhum animal e desejo que encontres quem as queira e que as trate bem, tal como tu o fazes. É que até para ser cão ou gato...é preciso sorte.

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se eu não gostasse dos animais, a esta hora teria mais dinheiro, pois ainda gasto um bom dinheiro todos os meses em comida para eles, não só para os de casa como também para os da rua. O problema é que eu quero a todo o custo evitar que o número de gatos da rua aumente.

      Eliminar
    2. Pelo que demonstras gostas de facto e para "evitar que o número de gatos da rua aumente" informa-te na Policia Municipal ou Canil Municipal como procederes.

      Se deres dez vezes comida a um gato ele come, porque faz parte da sua natureza ser lambão e os de rua não são como os de casa, têm que ter defesas naturais como alimentarem-se de ratos, pássaros etc. Ora habituando-se a quem lhe põe comida ou atira para cima dos telhados de garagens ou até para terrenos baldios e ou casas abandonadas...não caçam e comem tudo os que lhe atiram constantemente. Deixam de dar e eles percorrem tudo e depois instalam-se de novo aonde há quem lhes dê.

      O ano passado havia por aqui 30 gatos de rua e 8 delas tiveram mais 20 filhotes. Todos eles iam comer num terreno baldio relativamente perto onde 3 velhotes iam dar de comer e água. Falei-lhes por diversas vezes que a despesa que tinham, mais valia caçarem as gatas e irem com elas ao canil e tratarem para não se procriarem tanto e era e é a custo zero. Hoje totalmente incapacitados nunca mais deram e para onde eles foram? Para os telhados daqui onde duas senhoras mandavam comida. Estás a ver a cena? Há uns quintais cujos donos têm gatos e com coleira e que lhe dão comida própria, mas segundo eles passaram a dar-lhes dentro de casa porque os outros iam lá e deparou-se com outro problema, quando atiravam sacos restos os dela conseguiam escapar e também iam comer.

      O mecânico daqui, bem como todos os moradores das caves dos prédios envolventes, ruas e passeios enfrentarem uma praga de pulgas que não te passa pela cabeça.

      Veio a Policia Municipal que chamou pessoal do canil. Apanharam 40 (houve quem ficasse com uns tantos mas após a revisão e tratamento feito no canil/gatil municipal), desinfestaram tudo e deixaram papéis em todo o local (e tenho pena de não ter forma de o mostrar aqui) que é expressamente proibido e sujeitos a coimas, dar de comer a gatos de rua e até aos pombos. Foram ter com quem atirava, falaram, e o certo é que agora só andam os dois da coleira e outros dois de rua que como não encontram nada...caçam a rataria das redondezas e lá vão à sua vida.

      Enfim...



      Eliminar
    3. Pois, já me informei há muito tempo e infelizmente já não fazem esterilizações de graça. Mesmo com a ajuda da associação de animais aqui de Alverca que eu ajudo, fica sempre quanto muito por metade do preço e estamos a falar de 40 euros para cada gata, que é o dobro da castração dum gato. Uma vizinha nossa que alimenta também os gatos de rua costuma dar-lhes a pílula, só que isso por vezes também falha. Os gatos vadios de vez em quando desaparecem e depois aparecem outros do nada, já as gatas costumam ficar sempre nos mesmos sítios.

      Um vizinho meu já me disse que ia falar com uma senhora que lhe disse que queria um gato, vamos lá ver se dá em algo... Se não despachar as duas gatinhas que tenho aqui no meu espaço é que ficará bastante complicado.

      Eliminar
  10. Cara amiga,

    tenho uma Labrador com 12 anos e é um membro da família de pleno direito, é uma companheira e uma companhia para todos nós e nós para ela.

    Querida,

    queria desejar-lhe, a si e família, um Bom Ano de 2013 com Saúde, Paz e um dinheirito para gastos.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São de facto uma boa companhia e amigo do seus amigos:)

      Retribuo os votos em dobro também para ti e todos os teus.

      Beijos e obrigado

      Eliminar